Ir em baixo
Sanguinia
Admin
Mensagens : 44
Data de inscrição : 30/09/2018
Ver perfil do usuário

Contas "Funcionários" Empty Contas "Funcionários"

em Seg Out 01, 2018 11:12 pm
Aqui deverás apresentar o funcionário que criaste.

Nome:
Sexo:
Idade:
Origem:
Quais os motivos que o/a trouxeram à Academia:
Características Psicológicas:
Descrição Física:
A sua função na Academia:
Curiosidades/Extras:

Não te esqueças também de colocar um avatar que corresponda ao teu personagem!
Julio Saladin
Mensagens : 1
Data de inscrição : 20/01/2019
Ver perfil do usuário

Contas "Funcionários" Empty Re: Contas "Funcionários"

em Dom Jan 20, 2019 11:30 pm
Nome: Julio Saladin
Sexo: Masculino
Idade: 28 anos
Origem: Piltover
Quais os motivos que o trouxeram à academia:
A sua motivação remota à infância e ao seu fascínio por magia.
Quando era pequeno, Julio teve a oportunidade de assistir a um espectáculo no circo de Piltover com os seus pais. Num dos números de magia, um misterioso mágico fez um truque tão simples mas tão fascinante que ficou para sempre gravado na sua memória. Umas pequenas e delicadas figuras de metal que representavam vários animais ganharam vida e começaram a criar a sua própria história naquele palco. Pequenos pássaros sobrevoavam a cabeça dos espectadores mais sonhadores e o mais feroz dos animais rugia para o público mais corajoso.
Mais tarde, Julio tentou aprender a usar magia por si, mas sem qualquer sucesso. Foi-lhe dito então que por mais que tentasse usar magia nunca o conseguiria fazer, pois a sua linhagem não possuía habilidade para tal. Um defeito nos genes, explicaram-lhe na altura.
Sem desistir do seu sonho, ele ofereceu-se para ir trabalhar no instituto de guerra, com esperança de algum dia aprender alguma coisa com os verdadeiros mestres da magia.
Características Psicológicas:
Por norma está sempre bem-disposto. É um homem surpreendentemente amigável e muito brincalhão. Tão brincalhão que chega a perturbar as pessoas mais pacientes e calmas com as suas acções e palavras.
Embora mantenha uma postura relaxada frente aos invocadores, têm-lhes um enorme respeito por o terem albergado no instituto e presta-o à sua maneira.
Quando vê alguém que lhe suscita algum interesse, não tem qualquer pudor em aproximar-se e apresentar-se como "Julião". No caso de raparigas jeitosas acaba por passar muitas vezes a linha do senso comum só para ter um "cheirinho" delas.
No trabalho o seu ponto forte é a sua concentração. Uma vez imergido no seu próprio trabalho não consegue ser perturbado por ninguém - a não ser claro em condições extremas.
Descrição física: Devido à genética dos seus ancestrais, Julio é um homem magro de estatura alta. Essa mesma genética concedeu-lhe um farto cabelo negro, sobrancelhas negras cerradas e olhos da mesma cor. O seu rosto acriançado confere-lhe uma aparência imatura e dá razão aos seus actos. Embora em raras ocasiões tente adquirir uma natureza mais séria, ninguém o leva a sério. As suas maçãs do rosto estão por norma sempre encarnadas pelo facto de se rir imenso.
A sua função na Academia: Manutenção dos aparelhos da academia.
Curiosidades/Extras: ((Julião has a dark and mysterious past. Por preencher ainda.))
Fenrys Odarka
Mensagens : 1
Data de inscrição : 20/01/2019
Ver perfil do usuário

Contas "Funcionários" Empty Re: Contas "Funcionários"

em Dom Jan 20, 2019 11:43 pm
Nome: Fenrys Odarka
Sexo: Masculino
Idade: 25 anos
Raça: Humano
Origem: Gloomy Village
Quais os motivos que o/a trouxeram à Academia: Depois da morte dos pais, Fenrys procurou trabalho numa taverna para poder sustentar os irmãos mais novos, no entanto, não recebia o suficiente para tal. Ingressou na academia por intermédio da irmã mais velha, Núria, na esperança de obter uma maior estabilidade financeira.
Descrição Física: Mede 1,83 m e pesa 70 Kg. Tem cabelos curtos loiros e sofre de heterocromia (olhos de cores diferentes) possuindo um verde e outro preto. É bem estruturado, tem o braço esquerdo completamente tatuado e possui as orelhas furadas. Veste-se de forma casual mas cuidada.
Características Psicológicas: A sua vida teve vários altos e baixos, o que o tornou uma criança difícil. Marcado pela morte da mãe aos 5 anos (e pela sua substituição por outra mulher aos 12), e tendo sido ostracizado na escola devido à sua aparência incomum, viveu uma adolescência de rebeldia dando-se com más companhias. Estas moldaram parte da sua personalidade e contribuíram para alguns dos seus vícios. Fica facilmente ansioso e irritado, é impulsivo e por vezes diz coisas sem medir as consequências das suas palavras. No entanto, o amor pelos irmãos manteve presentes outras características. É carinhoso, brincalhão e protector.
A sua função na Academia: Aprendiz de cozinha

Curiosidades/Extras: Background
Fenrys nasceu e viveu em Gloomy Village durante toda a sua vida. Fruto do primeiro casamento do pai, ele e a sua irmã Núria eram inseparáveis até a sua mãe morrer de uma doença desconhecida. Incapaz de compreender e aceitar essa morte, Fenrys entrou numa espiral de más acções que acabaram por afastá-lo do progenitor e da irmã. Esse factor veio a agravar-se quando o pai casou pela segunda vez e teve novamente filhos, dedicando-lhes toda a sua atenção. Dois anos depois do nascimento da primeira meia-irmã, Aurora, Núria abandonou o seu lar para viajar pelo mundo. Nessa altura com 14 anos, Fenrys sentiu-se mais sozinho do que nunca, período esse em que foi atingido o auge da sua rebeldia. Sem fazer qualquer aproveitamento escolar, passava os dias constantemente de castigo, fugia durante a noite, roubava e atemorizava os colegas. Esta fase negra continuou, piorando gradualmente até ao nascimento do segundo meio-irmão, Mathias. Por alguma razão que Fenrys não conseguia perceber, Mathias teimava pedir sempre o seu colo, gatinhava atrás dele para onde quer que fosse dentro de casa (apesar de ser ignorado) e chorava quando Fenrys se fechava no quarto. Eventualmente, o choro constante à porta do seu refúgio acabou por saturar Fenrys que, para calar o irmão mais novo, começou a dar-lhe chocolate. Do chocolate passou para algumas palavras, de algumas palavras para um ou outro mimo, de mimos para jogos e brincadeiras... Quando deu conta, Fenrys não se sentia tão excluído como até então. Tinha um irmão que não lhe largava o pé e ele próprio começava a ganhar afeição por ele e a gerir o seu tempo livre em torno dele. Aos poucos, foi fazendo um esforço por se ligar a Aurora, à madrasta e por fim ao pai. As saídas furtivas foram substituídas por serões a contar histórias até os irmãos pregarem olho, as delinquências pelo estudo, os "amigos" pela família.
A bonança durou apenas alguns anos, pois Gloomy Village estava prestes a ser mudada drasticamente.
Tendo finalmente conseguido terminar os estudos, Fenrys começou um estágio num estabelecimento de criação de artigos em cortiça, estágio esse que terminou com a realização de uma feira de exposição e venda das peças criadas por todos os aprendizes. Nesse dia, pouco depois da hora do almoço, Fenrys passou por casa para pegar nos irmãos, pois prometera levá-los à exposição por umas horas. Foi durante o decorrer da feira que, sem qualquer aviso prévio, uma das montanhas rochosas que envolvia a vila colapsou, caindo em cima dos bairros habitacionais. Nesse dia muitas vidas foram ceifadas, incluindo as do pai e madrasta de Fenrys.
Os dias que se seguiram à derrocada foram de muita confusão, choque e luto. A maioria das pessoas abandonou a vila, achando que não era mais um local seguro para viver, outros ficaram para a tentar reconstruir, porém a falta de mão-de-obra não permitiu mais que a recolha dos corpos esmagados e desimpedimento dos principais acessos aos bairros. Foi só após a primeira ronda de salvamento e limpeza, na qual Fenrys participou, que ele se lembrou de tentar contactar Núria. Sem saber ao certo do seu paradeiro, escreveu-lhe uma carta notificando-a da tragédia e pedindo ajuda, agora que se via sozinho e responsável pelos irmãos. Apesar de estar a sofrer, Fenrys não podia baixar os braços, pelo que tratou logo de arranjar emprego para poder criar um novo futuro, algo que conseguiu arranjar numa taverna cujos ex-empregados foram alguns dos que abandonaram a vila.
Alguns meses depois de ter enviado a carta, Núria apareceu em Gloomy determinada em ajudar. Começou por trabalhar juntamente com Fenrys na taverna, no entanto, isso fazia-a infeliz. Movida por essa infelicidade, Núria procurou um emprego na sua área, acabando por encontrá-lo no Institute of War. Vendo que a irmã começara a contribuir com mais depois de ter ingressado na nova academia, Fenrys pediu-lhe que averiguasse se não havia uma vaga para ele no mesmo local. A resposta não se fez demorar dessa vez, e Fenrys agarrou a oportunidade.
Deixando os irmãos ao cuidado de uma vizinha de longa data durante os dias que tivesse de trabalhar, Fenrys fez as malas e rumou ao Institute of War em busca de um futuro mais risonho.
Conteúdo patrocinado

Contas "Funcionários" Empty Re: Contas "Funcionários"

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum